Geolocalização: o mapa da mina
Postado em 1 de agosto de 2017 Artigos

Muito em breve os dados terão para nós a mesma importância que o petróleo teve para as companhias do século 20.

 

 

 

* Por Amanda Matos Cavalcante

 

Incrível como o digital nos envolveu e nos tornou dependentes da praticidade e agilidade que vem com ele: aplicativos que facilitam o dia-a-dia, robôs que pensam por nós, coisas conectadas que revolucionam nossa rotina. A ficção já é realidade.

 

Talvez sua empresa ainda não tenha no roadmap investimentos em projetos desse porte ou ainda não visualize oportunidades de monetização no mundo digital. Mas com o mapa da mina correto ela certamente enxergará a receita até então escondida. Esse mapa tem um nome: geolocalização.

 

Mais de 80% dos dados gerados pelas empresas são geolocalizados e, nos mais variados mercados, eles são determinantes para entender as preferências dos consumidores, questões sociais, culturais e climáticas – especialmente em um país continental como o Brasil.

 

É possível geolocalizar um projeto de expansão?

 

Pesquisa da consultoria Franchising Solutions cita que o principal motivo para a falência das franquias, segundo os empreendedores, é a má escolha do ponto comercial. A localização foi determinante para o fechamento das portas de 31% dos entrevistados. Como reverter esse cenário e assegurar a rentabilidade? Imagine uma solução geográfica que apresenta as regiões com a melhor oportunidade de expansão, considerando poder aquisitivo, atuação da concorrência e investimentos locais. Essa inteligência de dados, desenvolvida e direcionada por especialistas pode apresentar real time a mina de ouro para uma franquia.

 

Vamos além: uma parceria entre varejo e telecom. Imagine cruzar os dados das operadoras, sobre o movimento dos clientes nas ruas, com  dados de franqueados para uma estratégia de expansão de mercado. Um mapa da mina geolocalizado atrelado à inteligência de negócio certamente traz resultados inimagináveis.

 

Resistir por que, se a mina está cheia de ouro?

 

Harvard cita que muito em breve os dados terão para nós a mesma importância que o petróleo teve para as companhias do século 20. E os dados geolocalizados te capacitam a conhecer seu cliente individualmente e, assim, oferecer a ele a melhor experiência de uso. As oportunidades geradas pela aderência de uma solução de geolocalização são infinitas, seguras e absolutamente rentáveis.

 

Seu ouro está te esperando. Agora você só precisa do seu mapa da mina, geolocalizado, para chegar até ele.

 

*Gerente de Marketing da Triad Systems e especialista em Condução de Estratégias Digitais pela Harvard Business School.

 

Na imprensa

 

01 ago 2017 – DCI Online

19 out 2017 – Mundo do Marketing

voltar

Busca

Youtube

Siga nossas redes sociais